20 maio, 2007

A Sonata de Liszt 2

Tal como tinha prometido eis a minha impressão do Concerto de ontem na Casa da Música.
É verdade que demorei mais de 24 horas a ter coragem para dizer que o que ouvi é indizível, além de inaudível. Ainda bem que não foi ninguém comigo senão ía-me sentir obrigada a pedir desculpa!
Pronto, foi uma trapalhada.
A sonata tem mesmo muito que se lhe diga e não é para ser tocada por todos os pianistas...
Mais não digo, porque fiquei bastante chateada.