31 janeiro, 2013

31 de Janeiro - Revolta no Porto - 1891



Diz assim, nesta página da Wikipédia : "As figuras cimeiras da "Revolta do Porto", que sendo um movimento de descontentes grassando sobretudo entre sargentos e praças careceu do apoio de qualquer oficial de alta patente, foram o capitão António Amaral Leitão, o alferes Rodolfo Malheiro, o tenente Coelho, além dos civis, o dr. Alves da Veiga, o actor Miguel Verdial e Santos Cardoso, além de vultos eminentes da cultura como João Chagas, Aurélio da Paz dos Reis, Sampaio Bruno, Basílio Teles, entre outros."

Não me vou pôr agora aqui a cantar, mas «A Portuguesa, que hoje é um dos símbolos nacionais de Portugal (o seu hino nacional), nasceu como uma canção de cariz patriótico em resposta ao ultimato britânico para que as tropas portuguesas abandonassem as suas posições em África, no denominado "Mapa cor-de-rosa".» Nesta página há mais informação.


Estando a informação tão acessível, nos dias que correm, é pena que os portugueses não se lembrem de alguns acontecimentos da sua história. O tal mapa cor-de-rosa está na base das duas coisas.